domingo, 9 de maio de 2010

Variações sobre o vazio

O vazio é, afinal de contas, uma questão de perspectiva. Pode-se lamentar que ele seja resultante da ausência do que não conseguimos manter no círculo da existência. Ou se pode vê-lo como a clareira que se abre a fim de que o ar e a luz possam chegar mais rápido ao ponto em que nos colocamos. Aquilo que costumamos chamar de perda muitas vezes não é senão o caminho aberto para uma luminosa e revigorante lufada de vento vinda de fora.

2 comentários:

Mai disse...

Perfeito!
beijos e bom domingo.

Lia Noronha &Silvio Spersivo disse...

Grande abraço pr ati...sempre fazendo do eseu texto..uma viagem enriquecedora.